Morreu Miguel Portas

Morreu dia 24 de Abril, por volta das 18h, em Antuérpia, na Bélgica, o eurodeputado Miguel Portas. O fundador do Bloco de Esquerda não resistiu ao cancro. A sua vida dividiu-se entre o jornalismo e a poltica. Fazia 54  anos na próxima semana.

Nasceu a 1 de maio de 1958, filho da economista Helena Sacadura Cabral e do  arquiteto Nuno Portas. Irmão do ministro dos Negócios Estrangeiros e presidente do CDS/PP, Paulo Portas, Miguel Portas era eurodeputado pelo Bloco de Esquerda desde 2004.

A política foi uma constante na sua vida desde muito jovem.  Começou por integrar a União de Estudantes Comunistas, em 1973. “Sou de esquerda  porque a minha mãe me proibia de deixar comida no prato, porque tinha de dar aos  pobres a melhor prenda que recebia no Natal. Fui habituado à renúncia. E também  sou de esquerda porque fui sempre um filho difícil, habituado a dizer não. O meu  processo de afirmação foi contra”.

Católico praticante enquanto adolescente, explicava: “A convicção que tinha acabou por ser transportada para o comunismo. Porque o comunismo não é mais do que uma religião laica. Quando aderi ao PC transferi de  Deus para o homem a mesmíssima crença e a mesmíssima promessa”. Num balanço  tanto quanto possível frio desses 18 anos, dizia: “Fui um bom militante. E acho que fui quase tão complicado para o partido como fui para a minha mãe”.

Ativista até ao fim, um dos seus últimos posts no  Facebook, na quinta-feira 19, é sobre o cerco policial à antiga escola básica da  Pontinha, no Porto: “A Es.col.A da Fontinha, que tem um trabalho mais do que  meritório com a população do bairro, está a ser despejada à bruta por uma  cruzada de políticos idiotas. Que todas as boas vontades se juntem contra a  estupidez. Já”.

Desde o verão de 2010 que sabia ter um cancro no pulmão. O que, assegurava, não lhe trouxe grandes mudanças, apenas uma consciência mais aguda da “precaridade da vida”. O seu objetivo de vida, “modestíssimo”, continuava a  ser o mesmo de antes da doença: “Quero poder olhar para trás e dizer: terei feito algumas asneiras, mas no conjunto posso partir, lá para onde for, com tranquilidade”.

Miguel Portas morre assim no dia 24 de Abril de 2012, dia antecessor ao dia da liberdade, que tanto ele lutara por todos nós. Miguel Portas deixou dois filhos, Frederico e André.

 

Anúncios

Viva Abril ! 25 de Abril sempre!

Este golpe, normalmente conhecido pelos portugueses como 25 de Abril, foi conduzido por um movimento militar, o Movimento das Forças Armadas (MFA), composto por oficiais intermédios da hierarquia militar, na sua maior parte capitães que tinham participado na Guerra Colonial e que foram apoiados por oficiais milicianos, estudantes recrutados, muitos deles universitários.

Sem apoios militares, e com a adesão em massa da população ao golpe de estado, a resistência do regime foi praticamente inexistente, registando-se apenas quatro mortos em Lisboa pelas balas da DGS. Após o golpe foi criada a Junta de Salvação Nacional, responsável pela nomeação do Presidente da República, pelo programa do Governo Provisório e respectiva orgânica. Assim, a 15 de Maio de 1974 o General António de Spínola foi nomeado Presidente da República. O cargo de primeiro-ministro seria atribuido a Adelino da Palma Carlos.

A primeira reunião clandestina de capitães foi realizada em Bissau, em 21 de Agosto de 1973. Uma nova reunião, em 9 de Setembro de 1973 no Monte Sobral (Alcáçovas) dá origem ao Movimento das Forças Armadas.

No dia 24 de Março, a última reunião clandestina dos capitães revoltosos decide o derrube do regime pela força. Prossegue a movimentação secreta dos capitães até ao dia 25 de abril. A mudança de regime acaba por ser feita por acção armada.

No dia 24 de Abril de 1974, um grupo de militares comandados por Otelo Saraiva de Carvalho instala secretamente o posto de comando do movimento golpista no quartel da Pontinha, em Lisboa.

Às 22h 55m é transmitida a canção E depois do Adeus, de Paulo de Carvalho, pelos Emissores Associados de Lisboa, emitida por João Paulo Diniz. Este é um dos sinais previamente combinados pelos golpistas, que desencadeia a tomada de posições da primeira fase do golpe de estado.

O segundo sinal é dado às 0h20 m, quando a canção Grândola, Vila Morena de José Afonso é transmitida pelo programa Limite, da Rádio Renascença, que confirma o golpe e marca o início das operações. O locutor de serviço nessa emissão é Leite de Vasconcelos, jornalista e poeta moçambicano. Ao contrário de E Depois do Adeus, que era muito popular por ter vencido o Festival RTP da Canção, Grândola, Vila Morena fora ilegalizada, pois, segundo o governo, fazia alusão ao comunismo.

O golpe militar do dia 25 de Abril tem a colaboração de vários regimentos militares que desenvolvem uma acção concertada. No Norte, uma força do CICA 1 liderada pelo Tenente-Coronel Carlos de Azeredo toma o Quartel-General da Região Militar do Porto. Estas forças são reforçadas por forças vindas de Lamego. Forças do BC9 de Viana do Castelo tomam o Aeroporto de Pedras Rubras. Forças do CIOE tomam a RTP e o RCP no Porto. O regime reage, e o ministro da Defesa ordena a forças sediadas em Braga para avançarem sobre o Porto, no que não é obedecido, dado que estas já tinham aderido ao golpe.

À Escola Prática de Cavalaria, que parte de Santarém, cabe o papel mais importante: a ocupação do Terreiro do Paço. As forças da Escola Prática de Cavalaria são comandadas pelo então Capitão Salgueiro Maia. O Terreiro do Paço é ocupado às primeiras horas da manhã. Salgueiro Maia move, mais tarde, parte das suas forças para o Quartel do Carmo onde se encontra o chefe do governo, Marcelo Caetano, que ao final do dia se rende, exigindo, contudo, que o poder seja entregue ao General António de Spínola, que não fazia parte do MFA, para que o “poder não caísse na rua”. Marcelo Caetano parte, depois, para a Madeira, rumo ao exílio no Brasil.

O cravo vermelho tornou-se o símbolo da Revolução de Abril de 1974. Segundo se conta, foi uma florista de Lisboa que iniciou a distribuição dos cravos vermelhos pelos populares que os ofereceram aos soldados. Estes colocaram-nos nos canos das espingardas. Por isso se chama ao 25 de Abril de 74 a “Revolução dos Cravos”.

Assina esta Petição – Acabar com cadeiras divididas em metade do semestre!

“Venho por este meio, infelizmente pedir-vos que assinem esta petição em nome dos alunos da universidade da beira interior e para o bem maior para que estarão para vir ingressar nesta comunidade académica tão prezada nacionalmente. O que se passa e o motivo pela qual quero que assinem esta petição é os maus resultados dos alunos de cursos de saúde que viram as suas cadeiras semestrais serem reduzidas de serem lecionadas de um semestre para serem lecionadas apenas em meio semestre! Ou seja, vamos rever o que se tem passado neste últimos anos com os cursos em Portugal! As licenciaturas passaram a entrar no acordo de Bolonha, ou seja, uma licenciatura passou de 5 anos para apenas 3 anos! Consequentemente as suas cadeiras tiveram que reduzir matéria e objetivos para que tudo fosse dado em 3 anos. E agora defrontamo-nos este ano com a matéria ainda mais reduzida para cadeiras dadas em apenas meio semestre, que equivale mais ou menos a 2 meses e pouco! O que se torna vergonhoso é que os alunos não concordam, não apreendem a matéria e são “baleados” de matéria e horas semanais. É impossível estudar-se assim em Portugal e não Universidade da Beira Interior. ”

Os signatários

É preciso frizar que os autores desta petição mantêm-se anónimos, mas eu como estudante universitária e ainda como estudante universitária na Universidade da Beira Interior achei que devia assinar e divulgar esta petição!

ASSINEM ! FAÇAM ALGO PELO FUTURO DOS ESTUDANTES PORTUGUESES! 🙂

Aqui esta a petição para poderem assinar:

http://www.peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=P2012N23712

Disneyland celebra 20 anos!

A Disneyland Paris faz 20 anos. Mais de 250 milhões de pessoas depois, o parque temático continua a vender as ilusões da Disney a crianças e adultos.

O momento foi assinalado da forma que só da forma como as mais de 15 mil pessoas que trabalham ou colaboram com a Disneyland sabem fazer. A cerimónia incluiu o discurso de Philippe Gras, presidente da EuroDisney, e um espetáculo com as personagens da Disney.

A cerimónia terminou com uma equipa de acrobacias das Forças Armadas Francesas, que desenharam o número 20 no céu, sobre o emblemático Castelo da Bela Adormecida.

Foi o segundo parque do grupo Disney a abrir portas fora dos Estados Unidos. Continua a ser o parque temático mais visitado da Europa. Em 2009 teve 15 milhões de visitantes.

Eu própria ja estive na disneyland mas tinha apenas 12 anos, e por isso acho que não soube aproveitar aquela cidade mágica que toda a criança e adulto gostam de viver. É que realmente um mundo mágico, parece que entramos numa cidade á parte, num mundo á parte, onde tudo é possivel, desde voar e até mostros e personagens miticas!

Aconselho a quem for que vá pelo menos 4 dias! Pois eu fui 3 dias e só vi metade da disneyland! Aqui é gigantesco, do tamanho duma cidade mesmo! Ao lado da Disneyland está a Walt disney studios, um parque temático onde entras nos filmes de acção de hollywood! E são imensos os hoteis perto da disney onde tem sempre autocarros a todas as horas para a disney até aos hoteis. E o mais mágico? É que os hoteis são habitados por personagens da disney! Um dia dei por mim a sair do quarto demanhã e estava o pluto (o famoso cão mudo) a andar pelos corredores! É realmente um mundo mágico á qual eu gostaria de voltar vezes sem conta! Até viver lá eu queria se pudesse! 🙂

Aqui fica um video da história da famosa “terra do nunca” onde ninguem é adulto e somos todos crianças 🙂

“Branca de Neve” estreia com Kristen Stewart de Twillight!

A Bella que todos conhecemos da série «Twilight», Kristen Stewart, será Branca de Neve no filme sobre o clássico infantil que ganha uma versão negra pela mão do realizador Rupert Sanders.

O filme conta com Charlize Theron como Rainha Má e é protagonizado também pelo ator Chris Hemsworth, o caçador, e Sam Claflin como o Príncipe.

Realizado por Rupert Sanders,  em «Snow White and the  Hunstman» (A Branca de Neve e o Caçador) seguimos  os intentos da Rainha Má em perseguir Branca de Neve (Kristen Stewart). Para  isso ela envia um grupo de caçadores, havendo um deles (Hemsworth) que vai-se  revoltar e ajudar a jovem contra os diversos perigos que lhe são colocados pelo  caminho.

O trailer foi montado e difundido a tempo de surgir nos cinemas antecendendo as projeções do novo episódio de “Crepúsculo” que estreia na próxima semana em dezenas de países.
«A Branca de Neve e o Caçador» estreia nas salas de cinema portuguesa prevista para 31 de maio.

Aqui fica o trailer:

Concorrentes de “A tua cara não me é estranha 2”

E aqui estão os concorrentes do programa de “A tua cara nao me é estranha 2”. Tantos nomes se falaram para os possiveis concorrentes da segunda edição deste programa e aqui está a confirmação que veio directamente do site da TVI.

Ashton Kutcher será Steve Jobs em filme biográfico !

A nova estrela de “Dois Homens e Meio” foi escolhida para representar Steve Jobs num filme Indie.

Ashton Kutcher fará o papel de Steve Jobs, o falecido fundador da Apple, num filme Indie intitulado de “Jobs”. Terá uma realização de Joshua Michael Stern, uma produção de Mark Hulme e o guião será escrito por Matt Whiteley. O início das filmagens estão agendadas para Maio. A história será baseada na vida de Steve Jobs, começando num hippie do Norte da Califórnia até ao co-fundador da Apple.

No entanto, Jobs” não é o único documentário sobre a vida de Steve Jobs que está em desenvolvimento. A Sony Pictures também está a realizar um, embora se desconheça o seu título e o ator principal.

A última vez que Ashton Kutcher apareceu no grande ecrã foi na comédia romântica “Ano Novo, Vida Nova!”. Apesar de ser conhecido por fazer este tipo de filmes, o ator já mostrou ser capaz de brilhar em dramas, como “Efeito Borboleta” e “Bobby”.

As vozes que já conquistaram o programa ‘Idolos’ !

O programa ‘Idolos’ estreou dia 25 de Março, e na minha opinião ja conquistou os portugueses. Apesar de até agora ainda só uma unica voz me ter surpreendido, muitas delas já andam a fazer sucesso pelo mundo cibernáutico.

São elas: 

Pedro Macieiras, conquistou o jurado com o seu primeiro tema acompanhado de guitarra, já o segundo tema teve um pouco mais fraco, na minha opinião, mas acho compreensivel visto que estão expostos ao nervos no casting.

Anabela Silva, gostei da voz mas não agradou ao Manel. Pode ser que na fase do teatro se saia melhor e consiga conquistar o Manel.

David Gurita, o rapazito até tem uma avó gaga, porque não ser um Homem gaga deste concurso? Mas deixando brincadeiras de parte esteve bem.

E mais virão.. estejam atentos 🙂

Faz hoje 7 anos que morreu João Paulo II !

João Paulo II foi o papa e líder mundial da Igreja Católica Apostólica Romana e Soberano da Cidade do Vaticano de 16 de Outubro de 1978 até a sua morte. Teve o terceiro maior pontificado documentado da história; depois dos papas São Pedro, que reinou trinta e quatro anos, e Papa Pio IX, que reinou por trinta e um anos. Foi o único Papa eslavo e polaco até a sua morte, e o primeiro Papa não-italiano desde o holandês Papa Adriano VI em 1522.

João Paulo II foi aclamado como um dos líderes mais influentes do século XX. Teve um papel fundamental para o fim do comunismo na Polónia e talvez em toda a Europa. Foi um dos líderes que mais viajaram na história, tendo visitado 129 países durante o seu pontificado.

João Paulo II foi um dos Papas mais aclamados da história do vaticano e talvez o mais querido da população mundial. Fez durante a sua vida centenas de milagres, que teriam sido revelados anos depois da sua morte. Outros encontram-se no segredo dos deuses.

No entanto acredito que hoje seja um dia muito triste para todos os católicos, pois foi no dia 2 de Abril de 2005 que o seu povo o vê partir na maior das tristezas. Mas tambem tenho a certeza que muitos segredos deste santo se vão revelar nos próximos anos.

Oremos hoje pelo Papa e pela salvação de todos os que ainda não têm voz. Porque era assim que o santo Papa queria que fizessemos.

Aqui está a sua assinatura: